Diretoria
Executiva

Paulo
Malerba

PRESIDENTE
BANCO DO BRASIL
Doutor em Ciência Política

Douglas
Yamagata

SECRETÁRIO GERAL
BRADESCO
Administrador de Empresas e Especialista em Economia do Trabalho

Leticia
Mariano

SECRETÁRIA DE FINANÇAS
ITAÚ-UNIBANCO
Economista e Especialista em Economia do Trabalho

Sérgio
Kaneko

SECRETÁRIO DE COMUNICAÇÃO
CAIXA
Técnico Eletroeletrônico

Natalício
Gomes

SECRETÁRIO DE ASSUNTOS JURÍDICOS
SANTANDER
Teólogo e Técnico em Contabilidade

Silvio
Rodrigues

SECRETÁRIO DE SAÚDE E CONDIÇÕES DE TRABALHO
BANCO DO BRASIL
Gestor em RH

Anderson
Zanon

SECRETÁRIO DE ASSUNTOS SOCIOCULTURAIS
BRADESCO
Supervisor Bancário

Gerson
Pereira

SECRETÁRIO DE FORMAÇÃO SINDICAL
BRADESCO
Licenciado em História

Elvis
Bartholomeu

SECRETÁRIO DE PATRIMÔNIO
ITAÚ-UNIBANCO
Licenciado em História

Diretores

Álvaro
Pires

BANCO DO BRASIL
GRADUADO EM LETRAS

Dayane
Pereira

SANTANDER
ENGENHEIRA CIVIL

Roberto
Rodrigues

SANTANDER
CONTADOR

Mayara
Carvalho

CAIXA
PUBLICITÁRIA

Alexandre
Vaccaro

ITAÚ-UNIBANCO
BIÓLOGO

Antonio
Sena

SAFRA
ADMINISTRADOR DE EMPRESAS

Pamela
Leite

ITAÚ-UNIBANCO
GERENTE DE RELACIONAMENTO

Gabriela
Godoy

CAIXA
BACHAREL EM CIÊNCIAS DA COMPUTAÇÃO

Thiago
Macedo

SANTANDER
ADMINISTRADOR DE EMPRESAS

Cássia J.
Máximo

SANTANDER
PÓS-GRADUADA EM GESTÃO DE PESSOAS

Sandro
Bacan

BRADESCO
CAIXA BANCÁRIO

Paulo
Mendonça

CAIXA
BACHAREL EM DIREITO

Juliana
Martinelli

BANCO DO BRASIL
BACHAREL EM LETRAS

Igor
Anghievisck

BANCO DO BRASIL
TI E MBA EM ADMINISTRAÇÃO

Valdir
Arruda

BRADESCO
GERENTE DE PAB

Há 35 anos unidos em uma só luta.

Quem diria que um grupo de jovens bancários, indignados com as injustiças sofridas pela categoria conseguiria ter força, vez e voz para se reunir, conquistar o apoio de grandes lideranças nacionais e transformar essa indignação em uma luta das entidades mais respeitadas e combativas do país. 

Em 2021, a história do Sindicato dos Bancários de Jundiaí e Região completou 35 anos. Uma trajetória que tem sido um exemplo de transparência, ética e compromisso com a luta dos mais de 2.500 bancários e financiários de toda a região.

Essa saga teve inicio em 1986, quando um grupo de jovens bancários uniu-se para criar uma entidade de classe, apoiada pelo saudoso Luiz Gushiken, então presidente do Sindicato dos Bancários de São Paulo. Foi então fundada a Associação Profissional dos Bancários de Jundiaí e Região, que em 1988 transformou-se em Sindicato e que, a partir de então, passou a representar nove cidades: Jundiaí Várzea Paulista, Campo Limpo Paulista, Francisco Morato, Franco da Rocha, Caieiras, Cajamar, Jarinu e Itupeva.

O Sindicato do Bancários de Jundiaí e Região é considerado hoje um dos mais atuantes e combativos do Brasil, não somente pela luta por melhores condições de trabalho da categoria, mais por suas lutas históricas dentro de outros contextos sociais, como a participação da diretoria em eventos e conselhos ligados à questões da saúde, moradia, cultura, Plano Diretor Participativo, entre tantos outros.

O Sindicato dos Bancários de Jundiaí e Região também é protagonista local de lutas como as reformas Trabalhista e da Previdência, realizando vários protestos e eventos para orientar e sensibilizar a população sobre projetos que extirparam direitos histórico dos trabalhadores. 

A força, ética e transparência do Sindicato também conquistaram uma voz de suma importância dentro do legislativo de Jundiaí com a eleição de Paulo Malerba, que teve atuação exemplar na Câmara Municipal.

Para continuarmos sendo uma exemplo de luta, não somente para os bancários e financiários, mas para outras categorias do Brasil, precisamos da participação efetiva de cada uma de vocês, e por isso contamos sempre com a sua opinião, sugestão e critica.

SINDICALIZE-SE! Faça parte do nosso movimento porque, sem dúvida, JUNTOS VAMOS AVANÇAR MUITO MAIS

Confira a história completa do Sindicato no Especial de 35 anos em https://bancariosjundiai.com.br/35anos/