ATUALIZE O SEU CADASTRO

Nossa Caixa ataca direitos no Economus

Nossa Caixa ameaça direitos dos bancários PDF Imprimir E-mail
FETEC/CUT-SP   
28 /05 / 2009

Enquanto o Banco do Brasil não assume as negociações com os representantes sindicais dos bancários da Nossa Caixa, a direção do banco paulista quer incluir pauta extra na reunião do Conselho Deliberativo do Economus, nesta quinta-feira (28), para aprovação de proposta de alteração no FEAS (Fundo Economus de Assistência Social).

Pela proposta, os aposentados assistidos passarão a ter comprometimento de 4,369% de sua renda bruta. Atualmente, não está prevista contribuição mensal para essa parcela de bancários.

Além de onerar os aposentados assistidos, a proposta prejudica todos os participantes do Economus, por estabelecer a suspensão de novas adesões ao fundo.

O movimento sindical não acredita que os três conselheiros deliberativos eleitos pelos participantes concordem com a proposta que pode ser apresentada na tarde desta quinta-feira.

“Por que tal decisão em um momento como esse, quando existe no fundo um patrimônio de R$ 379 milhões e quando a representação sindical busca com toda responsabilidade negociar sobre todos os temas que interessam ao conjunto dos funcionários?”, questiona o movimento sindical cutista ao instigar: “A quem interessa alterações desse tipo nesse momento?”.

O movimento sindical destaca, por fim, que o objetivo da representação é negociar todas as questões conjuntamente e não de forma fatiada.

 

Lucimar Cruz Beraldo

Compartilhe!