Greve alcança 71 agências e continua na segunda-feira (11/10)

A greve dos bancários na região de Jundiaí já atinge 71 agências, no 10º dia de mobilização da categoria. Cerca de 1350 bancários estão parados. Praticamente todas as agências do Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal estão fechadas.

 

Com o impasse dos banqueiros que não apresentam propostas, a greve cresce a cada dia com a unidade e luta de toda a categoria bancária.

 

Na segunda feira (11/10) a greve deve continuar forte, podendo atingir mais agências que ainda não aderiram à greve dos bancários.

 

“A categoria está unida em toda região. Os bancários estão convictos de que a proposta é insuficiente e a prova maior disso é a grande adesão dos bancários. Esta greve já é uma das maiores dos últimos tempos. Orientamos que os bancários denunciem qualquer telefonema por parte dos bancos que oriente para o retorno ao trabalho, principalmente neste final de semana que virá.” – comenta Paulo Santos Mendonça, presidente do Sindicato.

 

O que os bancários reivindicam:


● 11% de reajuste salarial.

● Piso salarial de R$ 1.510 para portaria, R$ 2.157 para escriturário (salário mínimo do Dieese), R$ 2.913 para caixas, R$ 3.641 para primeiro comissionado e R$ 4.855 para primeiro gerente.

● PLR de três salários mais R$ 4 mil fixos.

● Aumento para um salário mínimo (R$ 510) dos valores do auxílio-refeição, cesta-alimentação, 13ª cesta-alimentação e auxílio-creche/babá.

● Previdência complementar em todos os bancos.

● Proteção à saúde do trabalhador, que inclua o combate às metas abusivas, ao assédio moral e à falta de segurança.

● Medidas para proteger o emprego, como garantias contra demissões imotivadas, reversão das terceirizações e fim da precarização via correspondentes bancários.

● Mais contratações para amenizar a sobrecarga de trabalho, acabar com as filas e melhorar o atendimento ao público.

● Planos de Carreiras, Cargos e Salários (PCCS) em todos os bancos

 

Fonte: Sindicato dos Bancários de Jundiaí e Região

 

Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email