Financiários de Jundiaí e região aprovam Acordo para renovação da CCT

Com 76,19% dos votos válidos, categoria disse sim ao acordo de dois anos, com abono de mil reais para tod@s financiári@s em 2020

Os financiários de Jundiaí e região, que compõe toda a base do Sindicato, aprovaram, com 76,19% dos votos válidos, o acordo para renovação da Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) da categoria em assembleia virtual realizada durante os dias 21 e 22 de outubro.

O Sindicato indicou a aprovação do acordo, que prevê renovação de todos os direitos previstos na CCT por dois anos (2020-2021), e ainda: reajuste de 1,13% (que corresponde a 55% do INPC do período) nos salários e nos salários de ingresso, com abono de R$ 1 mil para todos. Além disso, todos os benefícios terão reajuste integral do INPC, isto é, correção de 2,05%.

O presidente do Sindicato, Paulo Malerba, informa que para 2021, o acordo prevê ainda reajuste nos salários, inclusive os de ingresso, pelo INPC integral do período (acumulado entre 1º de junho de 2020 a 31 de maio de 2021).

PLR

Sobre a Participação dos Lucros e Resultados (PLR), a proposta para 2020 é de manutenção, na íntegra, das regras já estabelecidas na PLR-CCT vencida, aplicando sobre os valores fixos e tetos o valor integral do INPC para 2020. Para 2021, ficou acordado a criação de um grupo de trabalho, até novembro de 2020, para discutir eventuais alterações no modelo atual de PLR. Se não houver evolução do tema no grupo, será mantida a regra de 2020, com aplicação do INPC.

Houve avanço também em outro ponto: as financeiras concordaram em debater e apoiar a causa de combate à violência contra a mulher, estabelecendo medidas de proteção e apoio a essas vítimas, por instrumento de adesão pelas empresas. Confira a CCT na íntegra clicando aqui.

fonte Seeb Jundiaí

Matérias Relacionadas:
Proposta da Fenacrefi deverá ser avaliada em assembleia

Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email