ATUALIZE O SEU CADASTRO

BB/Nossa Caixa: cliente ameaça funcionário e PM é chamada

BB/Nossa Caixa: Cliente precisa ser retirado pela PM de agência

 

 

Irresponsavelmente  a direção do Banco do Brasil cancelou sem prévio aviso o limite de cheque especial de clientes da Nossa Caixa que possuem qualquer tipo de restrição. Além de desrespeitar o cliente, deixou o funcionário do banco à mercê de injúrias e xingamentos.

Ontem, 08, quinto dia útil, os funcionários da agência da Nossa Caixa de Franco da Rocha passaram o dia à beira de um ataque de nervos, pois além do quadro estar com uma defasagem de aproximadamente dez funcionários, o que os obrigou a trabalharem em condições precárias, ainda foram obrigados a suportar todos os tipos de reclamações e xingamentos dos clientes em virtude das mudanças que o BB impôs unilateralmente. À tarde, após o encerramento do expediente, a agência ainda estava lotada de clientes portadores se senha para serem atendidos. Foi neste momento que um cliente foi à  gerência inconformado com o fato de ter ficado sem salário, em virtude de seu limite de cheque especial ter sido cancelado e seu dinheiro ser usado para cobrir o saldo negativo. Ao ser informado que não havia solução para seu problema, iniciou uma sessão de impropérios e xingamentos, dizendo que só sairia da agência com seu problema resolvido. Diante do impasse, foi sugerido que ligasse para a ouvidoria, no entanto fez questão de fazê-lo da mesa da gerente. Ao ver que não estava tendo êxito em sua reclamação, ameaçou agredir um funcionário que tentava lhe explicar que ninguém tinha alçada para resolver seu problema. Como já passavam das 18hs e o impasse continuava com o cliente visivelmente transtornado, pondo em risco a integridade física dos funcionários, a polícia foi chamada e só retirou o agressor às 19hs.

Segundo o diretor do Sindicato dos Bancários de Jundiaí e Região  e funcionário da Nossa Caixa, Álvaro Pires da Silva, “o que o Banco do Brasil está fazendo com clientes e  funcionários é uma verdadeira barbárie. Além de ceifar direitos e benefícios dos funcionários, como a Gratificação Variável, anuênio e tantos outros, desrespeita clientes que mantinham  negócio com a Nossa Caixa há anos. A covardia do banco parece não ter limite pois, segundo informações, foi “pedido” em algumas reuniões que os funcionários não externassem aos clientes que os problemas por que passam  são conseqüências da nova administração do Banco do Brasil! Lamentavelmente o funcionário acaba ficando refém da política de uma administração desvairada, caótica e inconseqüente do banco”, finaliza Álvaro.

 

Comente em nosso blog: www.bancariosjundiai.blogspot.com

Compartilhe!