Banrisul instala sensor em agência do RS que limita uso do banheiro em um minuto

Algumas agências do Barisul da região Sul do Rio Grande do Sul estão adotando uma prática que, apesar de inconcebível no mundo atual, é cada vez mais frequente em algumas empresas: o assédio moral, conduta abusiva que pode ser praticada através de gestos, palavras, comportamentos, atitudes. O Assédio Moral atenta, seja por sua repetição ou sistematização, contra a dignidade ou integridade física de uma pessoa, ameaçando seu emprego ou degradando o ambiente de trabalho. 

Conforme denúncia do Sindicato dos Bancários de Pelotas, a situação numa determinada agência da região é talvez a que foi mais longe em termos de assédio: A gerência simplesmente instalou um sensor de presença nos banheiros da agência, onde os funcionários não podem permanecer por mais de um minuto, pois a luz se apaga após esse tempo. Este é um inacreditável exemplo de onde o assédio pode chegar em termos de humilhação dos trabalhadores. 

Essa exposição à tirania é mais frequente em relações hierárquicas autoritárias, nas quais predominam condutas negativas, relações desumanas de longa duração, exercidas por um ou mais chefes contra os subordinados, ocasionando a desestabilização da vítima com o ambiente de trabalho. 

Veja algumas atitudes que caracterizam assédio moral: 

* Controlar o tempo de permanência no banheiro através de sensor de presença (mais de um minuto a luz se apaga) 

* Funcionários humilhados por meio de broncas, gritos e até xingamentos, levando-os ao choro e muitas vezes ao desgaste emocional; 

* Quando há prática antisindical. É atribuída ao Sindicato e seus dirigentes a culpa por questões que são legítimas de serem defendidas, como cumprimento de leis, boas condições de trabalho, melhores salários, manutenção do emprego; 

* Relações interpessoais hierárquicas que dividem os colegas entre colaboradores e não colaboradores, prática que piora substancialmente o ambiente de trabalho. 


Fonte: Jairo Sanguiné Jr. - Seeb Pelotas

Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email