Bancários do Itaú aprovam Acordo Coletivo de Trabalho

Em assembleia virtual, encerrada às 22h desta sexta-feira 14, os bancários do Itaú, da base do Sindicato dos Bancários de Jundiaí e Região, aprovaram por unanimidade o Acordo Coletivo de Trabalho que regulamenta temas como o Programa Complementar de Remuneração (PCR), bolsas auxílio-educação e banco negativo de horas.

A diretora na Seeb Jundiaí,  Letícia Mariano, funcionária do Itaú, lembrou que mesmo num momento de crise sanitária, política e econômica, os sindicatos conseguiram negociar um ótimo acordo para os bancários do Itaú que, além de disciplinar os critérios do PCR, garante 5.500 bolsas para primeira graduação, segunda graduação e primeira pós-graduação.

O Acordo conquistou ainda  a plataforma de treinamento Itaú Unibanco e a prorrogação, até 31 de agosto de 2022, para compensação do saldo de horas negativas; entre outros pontos. ”A aprovação do ACT pelos trabalhadores é o reconhecimento de todo esse trabalho”, disse Letícia.

Confira o que foi aprovado pelos bancários do Itaú:

*Programa complementar de remuneração (PCR)

O PCR é calculado conforme o ROE (Retorno sobre o Patrimônio) relativo a 2021 e 2022 conforme tabela:

Até 23,0% – R$ 3.070,95

Maior que 23,1% – R$ 3.219,00

ROE recorrente (2021)

Os valores acima serão corrigidos pelo reajuste salarial da categoria referente a 2021 e 2022. Os funcionários que vierem a pedir demissão não farão jus ao PCR.

(Obs: o pagamento de 2020 foi de R$ 2.943,50)

*Bolsa auxílio-educação

Fica estabelecido para 2021 e 2022 que serão 5.500 bolsas para primeira graduação, segunda graduação e primeira pós-graduação, sendo 1.000 bolsas serão destinadas aos funcionários PCDs (pessoas com deficiência). Para 2021 será um reembolso de até 70% do valor da mensalidade limitado a R$ 450,00. Para 2022 o limite de R$ 450,00 será reajustado pelo mesmo índice da convenção coletiva acrescido de 0,5%.

*Plataforma de treinamento Itaú Unibanco

Será disponibilizado a todos os funcionários e seus dependentes acesso à plataforma digital de treinamento que permite aos usuários adquirir, expandir e aprimorar conhecimentos. A plataforma conta com mais de 10.000 opções de cursos, palestras, treinamentos e outros conteúdos voltados para o mercado de trabalho.

*Banco de horas negativas (prorrogação do acordo)

Em 06/02/2021, devido à pandemia de Covid-19, foi firmado acordo de banco de horas negativas acumuladas entre 04/05/2020 e 31/12/2020, submetidos a compensação até 31/12/2021. Por meio de acordo coletivo, caso o funcionário ainda tiver horas negativas a compensar, pela prorrogação do acordo o funcionário terá até 31/08/2022 para compensar o saldo de horas negativas. O Sindicato irá acompanhar a cada três meses a compensação de horas em dados fornecidos pelo banco.

fonte de dados: Seeb SP

Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email