Contraf-CUT negocia reestruturação do CSO e CSL com BB nesta terça

Contraf-CUT negocia reestruturação do CSO e CSL com BB nesta terça

 
A Contraf-CUT, federações e sindicatos retomam nesta terça-feira (12), às 13h, o processo de negociação permanente com o Banco do Brasil, em Brasília, para tratar da reestruturação já em curso do Centro de Suporte Operacional ( CSO) e do Centro de Suporte e Logística (CSL), setores que centralizam trabalhos de retaguarda das agências.

“Nosso objetivo é que o banco esclareça a real situação das reestruturações. Queremos que os direitos dos bancários sejam garantidos e que os empregos sejam mantidos”, afirma William Mendes, secretário de Formação da Contraf-CUT e coordenador da Comissão de Empresa dos Funcionários do BB.

Os trabalhadores solicitaram ao BB a apresentação do programa que substituiu unilateralmente a verba de aprimoramento profissional, que teve vigência até 2011. “O valor da verba era de R$ 215. Na Campanha Nacional passada, o banco tinha se comprometido a manter o recurso, mas mudou a estratégia de forma unilateral”, ressalta William.

“A intenção é discutir e participar dos processos de construção de políticas que dizem respeito diretamente à vida dos bancários. Cobramos do banco que diz que pratica responsabilidade social um mínimo de respeito ao diálogo com os trabalhadores”, salienta William.

Na pauta da negociação estão também questões referentes a acertos da Campanha Nacional 2012 e temas relacionados a condições de trabalho.

Fonte: Contraf-CUT

Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email