CEF: Sindicato move ação pelo pagamento dos dias parados

O Sindicato dos Bancários de Jundiaí e Região esta entrando com ação para garantir o não-desconto dos dias parados aos funcionários da Caixa Econômica Federal, referente à última greve da Campanha Salarial em 2008. A Caixa continua obrigando seus gestores a cumprir a CI 107.

O Sindicato considera um total desrespeito da instituição para com os seus trabalhadores e o movimento sindical o não-cumprimento do que foi acertado no fechamento do Acordo Coletivo dos Bancários 2008/2009 - assinado pelo próprio banco.

Os problemas gerados pela CEF vêm ocorrendo desde a assinatura da Convenção Coletiva Nacional, com ameaças da direção da Caixa em descumprir a cláusula que prevê o não-desconto dos dias de greve. Tudo começou com a edição da CI Suape/Surse 107/08, que em seu item 6 previa o desconto dos dias não compensados, em claro desrespeito aos termos negociados no acordo aditivo assinado em 30 de outubro. A justiça tem concedido liminares em todo o país para que não proceda os descontos. Além de São Paulo, os bancários de Brasília(DF), Curitiba (PR), Criciúma (SC), Maranhão, Sergipe, Mato Grosso, Pará e Amapá também obtiveram decisões favoráveis na Justiça.

 

RANKING DE PROCESSOS TRABALHISTAS – O Tribunal Superior do Trabalho divulgou em dezembro de 2008, um ranking das empresas com maior número de processos trabalhistas. A Caixa Econômica Federal vêm seguindo na vice-liderança com 10.495 processos trabalhistas, atrás apenas da União que possui 20.593.

 

Compartilhe!