Caixa inicia PAA e Sindicato cobra mais contratações

Caixa inicia PAA e Sindicato cobra mais contratações

Estimativa é de que 5 mil empregados façam adesão ao recém lançado Plano de Apoio à Aposentadoria

São Paulo – A divulgação, em 11 de junho, do início do Plano de Apoio à Aposentadoria (PAA) para os empregados da Caixa Federal fez com que o Sindicato aumentasse a cobrança para que a direção da instituição financeira agilize as convocações de concursados.

“Estimamos que cerca de cinco mil empregados estejam aptos a aderir ao plano. Com isso, torna-se urgente a agilidade nas contratações. Atualmente a empresa tem convocado pouco mais de cem pessoas ao mês, que já era insuficiente para dar conta da crescente demanda”, afirma o diretor executivo do Sindicato Kardec de Jesus.

Quem pode aderir – O PAA é direcionado a empregados já aposentados pela Previdência Social, ou podem exercer este direito até 30 de junho de 2013, e que desejam se desligar voluntariamente da empresa. O período de adesão vai até 29 de junho e o desligamento – cuja data a ser negociada com o gestor imediato do setor – deverá ocorrer entre 2 de julho e 24 de agosto de 2012.

O  PAA 2012 prevê apoio financeiro à aposentadoria, a ser pago em parcela única e isenta de imposto de renda, equivalente a cinco remunerações base do empregado. A referência é a remuneração recebida em 20 de maio. Quem aderir ao PAA também terá mantido o Saúde Caixa, conforme regras definidas na CI DEPES/SURSE/SUAPE/SUDHU 013/2012, disponível no Portal do Empregado.

Redação 14/6/2012

Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email