Bancário é espancado por chefe

Uma festa de confraternização não acabou bem para o bancário W.R.M.S., 31 anos, morador em Campo Limpo Paulista. Funcionário do Banco Itaú, ele registrou queixa na polícia contra seu superior hierárquico, de iniciais L.C.P. Segundo o bancário, houve uma festa de confraternização para os funcionários da agência em que trabalha. No final da noite, quando se preparava para ir embora, acabou discutindo com o chefe. 

Os ânimos se exaltaram e ele recebeu um soco na boca do superior, que ainda o derrubou no chão, 'montou sobre ele' e o agrediu violentamente. O bancário disse que, depois de acordar do desmaio, só se lembra de ter ligado para a esposa levá-lo ao hospital. Não informou, entretanto, o motivo que teria dado início à discussão, comentando apenas que o chefe era 'mais forte do que ele'.

 

Fonte: Jornal de Jundiaí

Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email