Banco Pan volta atrás e paga a diferença da PLR

Empregados da Caixa vestem ‘vermelho de raiva’
16 de outubro de 2017
Campanha Nacional de Combate à Discriminação
19 de outubro de 2017

Acabou o impasse no pagamento da PLR do Banco Pan. Após duas negociações com os representantes dos trabalhadores, finalmente o banco reconheceu o erro e comunicou a Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT) que fará o pagamento da PLR junto com o salário no final do mês.

O erro foi constatado logo após o pagamento da PLR, quando os sindicatos começaram a receber várias denúncias dos trabalhadores sobre o cálculo incorreto. Com isso, a Contraf-CUT entrou em contato com banco para exigir a correção dos valores.

A princípio o banco tentou negar o pagamento menor, mas, após a pressão dos sindicatos, ao apresentar os cálculos realizados com base na CCT, o banco voltou atrás informando à Contraf-CUT , nessa segunda (16), que fará o acerto dos valores a serem pagos pela PLR e que o pagamento será realizado junto com o salário, no final do mês.

Para a diretoria do Sindicato “Essa resposta é mais uma prova de que os trabalhadores e sindicatos juntos podem lutar para conquistar os seus direitos.”

Regra para antecipação da PLR

A regra básica para a antecipação da PLR é a seguinte: 54% do salário mais R$ 1.346,15, ou a distribuição de 12% do lucro do semestre, sendo aquele que ocorrer primeiro. No crédito feito aos trabalhadores em 29 de setembro, o Pan não cumpriu a CCT.

Fonte: Contraf-CUT